domingo, 8 de novembro de 2015

Amor Doce: Episódio 18_ Castiel


                         SOS Coelho

(Já se passou uma semana desde que a Debrah nos perturbou pela última vez. Tudo está voltando ao normal aos poucos.)
(Tudo estaria quase como antes se o Castiel tomasse a decisão de voltar à escola. Ninguém o viu, ninguém sabe quando ele voltará e o Lysandre se recusa a falar algo sobre o assunto.)
(Mas ele não parece tão apreensivo quanto antes, quando a Debrah apareceu. Por isto não me preocupo tanto assim.)


Alexy: Dicete. está me ouvindo?


Desculpe, estava pensando em outra coisa. O que você estava dizendo?


Alexy: Eu estou achando a Peggy meio estranha. Ela não pergunta mais nada a ninguém, não conversa durante as aulas...


Não chega a ser um má notícia, se quer saber minha opinião.


Alexy: Mas, Docete...


O que foi? É verdade... Eu li o artigo que ela escreveu sobre mim e sobre a gravação que a Debrah me roubou... Ela não foi nada boazinha, e olha que nem foi verdade!


Alexy: Talvez é isto que a deixa silenciosa...


Peggy? Não acho que estamos falando da mesma pessoa... Nada a atinge.


Alexy: Ah, até mesmo o Castiel veio te pedir desculpas. Todo mundo pode mudar!


... Você quer que eu vá falar com ela. é isso?


Alexy: Por favor... Eu não gosto de ver os outros tristes... Além disso, não posso me meter, a história não tem a ver comigo...


(Eu junto as mãos e sorriu discretamente) *Sorriso* Se ela estivesse sem graça por minha culpa, ela teria pedido desculpas pelo que fez juntamente com as outras meninas. Não vejo mais o que posso fazer.


Alexy: Converse com ela e diga que não está zangada!


Mas eu estou!
Hum... Se é para te deixar feliz.
Ela já deve saber isso não?


Alexy: Sério? Você é maravilhosa, sabia?


Se eu tivesse dito não, tenho certeza que seria menos "maravilhosa"!


Alexy: Cocê iria acabar aceitando, não tenho dúvida!


Você parece muito confiante!


Alexy: Eu insistiria até que você aceitasse. Você iria acabar aceitando, de qualquer maneira!


(... Eu fiz bem em aceitar de imediato)
(Bom, lá vou eu conversar com a Peggy. Mesmo só não sei ao certo o que falar...)


1º Andar


Você ainda não sabe nada sobre o Castiel?


Lysandre: Eu nunca disse que não sabia de algo. Ele está bem, é o que importa.


Por que ele não aparece, então...?


Lysandre: Porque ele precisa de um pouco de tempo.


Mas ele está faltando as aulas!! Ele corre o risco de ter problemas!


Lysandre: ... Você já tentou explicar algo para o Castiel quando ele acha que tem razão?


Bem... Sim, quando a Debrah ainda estava por aqui.


Lysandre: E como terminou?


... Mal.


Lysandre: Então você entende porquê não insisti muito quando conversei com ele.


(Ele tem um caráter difícil até com o melhor amigo...)


Lysandre: ... Se eu estivesse ausente, você estaria tão inquieta assim?


Claro! Demais!
Depende das circunstâncias.
Nem tanto.


Lysandre: Não exagera, vai...


Mas é verdade! Que o Castiel falta aula, é uma coisa... Mas você ausente, é muito mais grave!


Lysandre: Por quê isso?


Você não é do tipo que falta aula sem motivo.


Lysandre: Nathaniel ficou doente após o show e você não ficou tão preocupada por ele, no entanto, ele é super ligado ás aulas.


Sim, mas... Não é a mesma coisa com você.


(Ele se aproximou um pouco de mim)


Lysandre: Se você estivesse ausente, eu também ficaria inquieto.


(Ele foi embora rapidamente)
(Eu, hein... Eu não esperava por esta reação.)


Sala de Aula A


Iris: Mais um dia sem o Castiel... Eu espero que ele esteja bem!


Lysandre disse que sim, podemos confiar nele.


Ele deveria vir logo, pois senão corre o risco de ter problemas...


Iris: Pois é... A diretora não é do tipo que deixa isto passar a limpo...


Tenho certeza que tudo vai acabar bem para ele!


Grêmio


Rosalya: Então, está pronta para nosso pequeno passeio a cidade?


Que passeio?


Rosalya: Bem, precisamos encontrar roupas novas para você! Principalmente roupas de baixo.


Você quer mesmo que a gente saia juntas para passear nas lojas?


Rosalya: Claro! Eu estava falando sério na última vez! Você precisa fazer algo! Você quer agradar alguém, não quer?


Q-Quero...
Não, eles são todos feios nesta escola...


Rosalya: Então preciso te dar uma pequena ajuda neste quesito. Você não tem escolha!


Está bem... Mas veremos mais tarde, está bem? Hoje não!


Rosalya: Como queira! Mas não vou largar do seu pé!


(Terminar a conversa)


Clube de Jardinagem


Armin! Está tudo bem com você?


Armin: Hein? Sim, por quê?


Você está no clube de jardinagem... Do lado de fora da escola!


Armin: Pois é, ás vezes eu saio também para respirar um pouco...


Estou surpresa...


Armin: Bom, ok... Eu estava no primeiro andar e a diretora me expulsou. Por isso tive que sair.


Você não tem mais jeito, é um caso perdido.


Armin: Eu não gosto de ficar em ambientes assim. Pelo menos não na escola. Eu não tenho culpa!


E por quê não na escola?


Armin: Lá dentro, tem cadeira para todo o lado, tudo é tranquilo. Aqui fora, tempos apenas dois pobres bancos sempre ocupados e passarinhos que não param de fazer barulho!


Mas são tão fofinhos os passarinhos...


Armin: Eu não gosto deles... Exceto os corvos. Eles tem um certo estilo.


Você acha?!


Armin: Exatamente! Eles são obscuros, não deixam os supersticiosos à vontade... E quando cantam, o som que fazem é fora de série!


Eu tenho um pouco de medo deles...
Para mim, é muito mais irritante ouvir um corvo grasnar.
É verdade, as penas escuras são super lindas.


Armin: Você também acha?


Sim! Eu gosto muito delas!


Armin: Quanto mais conversamos, mais eu vou gostando de você!


(Ele me deu um tapinha de leve no ombro)


Ginásio


Tia Fada: Olá, querida! Um presente para você! Tenho certeza que irá gostar, está super na moda!


Obrigada!


Tia Fada: Pronto! Você vai ficar super linda com estas orelhas de coelho!


(Terminar a conversa)


Grêmio


Olá, Peggy. (Eu não sei o que dizer).


Peggy: Oi.


(E pelo jeito, ela também não...)


Peggy: ... Eu não tenho nada para falar, só isso.


Foi o seu engano em relação à Debrah que te incomoda?


Peggy: O quê?... Foi para falar sobre isso que você veio me ver?


E por quê não? Eu acertei em cheio, não?


Peggy: Não, eu não estou nem aí para o que aconteceu. Se eu me deixasse abater por coisas deste tipo, eu não teria escolhido esta futura profissão.


Então, o quê você tem?


Peggy: ... O artigo que eu fiz baseado na sua gravação. Ele era falso.


Claro. Mas não pensei que isto te incomodaria. Você é a primeira a dizer que a informação é o que conta, pouco importa se ela é verdadeira ou não.


Peggy: Só que neste caso, todo mundo sabe que a informação é falsa! E como você me lembrou "gentilmente", ele machucou alguém. Estão me olhando como se eu fosse cúmplice da Debrah.


O nome disso é remorso!


Peggy: Nada a ver!


(Pois eu acho que tem tudo a ver!)


Peggy: ...


(Ela voltou a sorrir)


Peggy: Gentileza sua querer saber como eu estava.


Oh, bem... De nada (Foi o Alexy que me forçou...)


(Ela foi embora. Eu esperava um pedido de desculpas, mas ela deve achar que não fez nada de mais espalhando rumores sobre mim... Ou então, ela se recusa a admitir.)
(Pelo menos, ela voltou a sorrir.)


Corredor Principal


(Alexy tinha razão, não foi tão ruim assim conversar um pouco com a Peggy)


Nathaniel: Desculpe, mas... Você tem notícias do Castiel?


Eu nunca imaginei que você iria me perguntar isso.


Nathaniel: É que... Os professores são meio esquentados quando o assunto é o Castiel... Ele não deu nenhuma explicação... Eles pensam que ele está faltando as aulas porque quer...


Lysandre tentou conversar com ele, mas ele não quer saber de nada.


Nathaniel: Pois espero que ele mude de ideia logo... Mais um dia e ele acabará sendo expulso da escola.


Puxa... Deveríamos avisar o Lysandre, para que o outro fique sabendo...


Nathaniel: Eu o vi sair da escola, não acho que vai ser hoje...


Arf... Eu espero que ele tome uma decisão e volte para a escola amanhã.


Nathaniel: Vamos ver.


(Se ao menos eu soubesse onde ele mora... Eu poderia ir vê-lo)


Pátio


(Eu saí da escola)
(Eu saí mais cedo hoje... Talvez eu devesse dar uma voltinha na cidade antes de voltar para casa).


Entrada do Parque


(Tem alguém ali)


Kentin: Olá, Docete! Eu pensei que você já tivesse ido embora!


Eu queria passear um pouco antes de voltar para casa!


Kentin: O que acha de continuar seu passeio comigo? Poderíamos ir ao parque perto da sua casa!


Sim, por quê não?
Já faz tempo que estou passeando, o melhor é eu voltar para casa.


Kentin: Legal! Vamos, então!


(Ele parece contente).


Parque


Kentin: Você tem sorte de ter um parque destes perto de casa!


Nem tanto, sou obrigada a dar uma volta para chegar em casa, o portão que dá acesso só abre por dentro.


Kentin: No entanto, a segunda entrada não é tão longe da sua casa.


Mesmo assim ela é mais longe que está!


Kentin: Ela também é muito longe da minha casa e, no entanto, eu corro por lá de tempos em tempos!


Você continua seu treinamento?


Kentin: ... Por quê?


Quero dizer, correr. Você não saia para praticar esportes antes de ir para escola militar.


Kentin: Eu não entendo por quê você insiste em falar do boboca que eu era antes.


Você não era um boboca!
Eu adoro te fazer sofrer.


Kentin: Não tem graça nenhuma!


Então por quê você está rindo?


Kentin: Porque não tem graça nenhuma justamente, então é divertido.


É totalmente lógico!


Kentin: Êi! Você já terminou de rir da minha cara?


Eu aproveito, você é um dos raros a não ficar metido quando fazemos!


(Continuamos a conversar, atravessamos o parque completamente e cada um foi para a sua casa)


Apê


C-Castiel?


Castiel: O que você está fazendo aqui?


Eu moro aqui...


Castiel: ... E por quê você está me olhando desta maneira?


Você comprou suas roupas novas numa promoção?
Eu só não imaginava te encontrar com roupa nova, só isso...
Você acabou jogando fora sua jaqueta marrom horrível?


Castiel: ... Obrigado. Alguém me disse que minhas roupas estavam fora de moda. E está pessoa tinha razão... Um pouco.


Você deveria ouvir esta pessoa com mais frequência!


Castiel: Eu não acho, é a primeira vez que ouço da parte dela algo sensato.


(Próximo)


Mas agora estou mais tranquila.


Castiel: Sobre o quê?


Como já tinha uma semana que você não aparecia na escola, eu pensei que você estava bem mal.


Castiel: Eu tenho cara de ter algum problema?


Não, mas... Depois de tudo que aconteceu com a Debrah...


Castiel: Você achou que eu ia chorar num canto? Você pensa mesmo que sou assim?


Você sumiu da escola, confesse que dá para duvidar.


Castiel: Estava precisando ficar sozinho. E, francamente... Não quero falar sobre isto.


Oh... Está bem.


Mas saiba que... Se você não voltar para escola amanhã, corre o risco de ter sérios problemas... Você não contou o motivo da sua ausência.


Castiel: Eu já planejava ir amanhã de qualquer maneira. E problemas eu tive quando decidi ficar em casa.


Espero que tudo ocorra bem com você amanhã.


Castiel: Vamos ver.


(Ele foi embora logo depois)


Meu Quarto


(Amanhã eu acho que não tem jeito, vou ter que ir ao centro com a Rosalya. Vou comprar roupas novas.)
(O que será que ela vai falar sobre o novo look do Castiel... Ah ah, eu não quero perder isso por nada!)
(Eu voltei para a escola no dia seguinte)


Corredor Principal


Lysandre: Está vendo, o Castiel voltou hoje. Está mais tranquila?


Sim! Ainda bem, a diretora queria expulsá-lo.


Lysandre: Ele sempre teve uma sorte inusitada.


A não ser coma as garotas...


Lysandre: Eu acho que ele teve sorte mais uma vez. Ele se aproximou de uma pessoa nada recomendável que decidiu ir embora quando ela tetou voltar todo um pequeno grupo conseguiu abrir os olhos dele.


Visto desta maneira, tem um quê de verdade...


Lysandre: É assim que devemos ver o mundo. Ele é bem mais bonito quando olhamos os bons lados.


(Terminar a conversa)


Corredor Principal


Alexy: A Peggy está em forma! Está vendo, eu te disse que era preciso falar com ela!


Você não me "disse" nada, você me forçou a fazer!


Alexy: Não... Eu te propus gentilmente, além disso te dei bons argumentos!


"Por favor" é um argumento?


Alexy: Se utilizamos no bom momento, com a boa entonação, é uma arma infalível! Só o Armin resiste, mas é porque ele já se acostumou.


(Terminar a conversa)


Corredor Principal


Olá, Kentin! Você viu o Castiel ou a Rosalya?


Kentin: Passamos um tempo juntos e no dia seguinte você já procura outro rapaz... É triste.


Estou apenas curiosa!


Kentin: Além disso você procura o Castiel...


Kentin, conta... Você viu ou não?


Kentin: Eu estava numa sala de aula com a Rosalya, mas não sei mais onde.


Está bem, obrigada!


Kentin: Docete?


Sim?


Kentin: Vamos sair novamente um dia desses?


Sim, claro!


Corredor 2


Kim: Eu gosto bastante das novas roupas do Castiel, você não?


Sim, é sempre melhor do que aquela horrível jaqueta marrom.


Kim: Sim, nem me lembre... Ele estava vestido assim quando estava com a Bratz.


"Bratz"?


Kim: É sim, você não acha que a Debrah parecem com a Bratz?


(Terminar a conversa)


Pátio


Kentin: Quer parar de pegar no meu pé com isto?...


Alexy: Ah ah. Não é minha culpa se é verdade!


O que está acontecendo?


Alexy: Ken iria entrar na sala de aula quando viu o Castiel e a Rosa... Ele deu meia volta imediatamente!


(Próximo)


Kentin: Eu tinha esquecido algo no meu armário!


Alexy: Por que você não foi procurar?


(Próximo)


Kentin: Porque você riu da minha cara!


Alexy: Ah, Ken, não temos que ter vergonha por ter medo de um dos colegas de escola!


(Próximo)


Kentin: Quer parar de me chamar de Ken!


(E-Eu acho que vou deixar vocês dois á sós...)


Sala de Aula A


Rosalya: Demorou para entender que aquela jaqueta não combinava de jeito nenhum, hein?


(Ah, eles estão conversando.)


Castiel: Vou fingir que não ouvi...


Rosalya: Eu tenho certeza que Docete pensa o mesmo que eu!


Ôpa, me tira fora dessa, eu só estou ouvindo a conversa!


Castiel: Ela não te esperou para opinar...


Além disso, eu já falei com ele sobre isto ontem.


Peggy: Ontem?


(Uau! O que ela está fazendo aqui?!)


Peggy: Vocês estavam juntos ontem? Mas o Castiel não apareceu aqui, então imagino que vocês se encontraram fora da escola?


(Fico feliz em ver que você está melhor, Peggy...) Eu não estou com vontade de falar sobre isso com você.


Castiel: Eu prefiro falar sobre isso que sobre roupas!


(Eu quase pisei no pé dele, mas com o humor que ele estava, pensei que não era mesmo uma boa ideia...)


Castiel: Um problema?


Não, não. Nada.


Peggy: Eu nem ligo, eu sei muito bem coletar informações que as pessoas não desejam me dar.


Castiel: Ah, disto eu não tenho certeza.


(Próximo)


Peggy: Por que você está dizendo isto?


Castiel: Eu não li nada no seu jornal sobre o evento que os professores estão planejando...


(Acertou em cheio!)


Peggy: É só questão de tempo!


(Ela saiu da sala com passos fortes)


Você lê o jornal da Peggy?


Castiel: Não. Mas se ela tivesse uma informação dessas, ela teria pego o microfone da diretora para anunciar a todo mundo.


(Terminar a conversa)


Corredor Principal


Aiê! (Eu me bati com alguém ao sair).


Nathaniel: Desculpe, eu não te vi!


Não tem nada... Aiê! (Alguém saiu da sala e se bateu em mim)


Castiel: O que você está fazendo atrás da porta?


(Não peça desculpas, claro...)


Ntahaniel: Ah... Eu estava te procurando Castiel.


(Próximo)


Castiel: O que você quer comigo?


(Próximo)


Nathaniel: A diretora quer te ver. Sobre suas ausências, eu imagino.


(Puxa!)


Castiel: Ah... Vocês vão me deixar em paz com esta história por pelo menos cinco minutos?


(Ele fez de conta que iria sair antes de voltar atrás)


Castiel: Você vai ficar na frente desta porta por mais tempo?


Não, vou sair um pouco...


Castiel: Pois agora, mexa-se.


(Ele me puxou pelo braço e me levou com ele)


Mas... O que foi que te deu?


Castiel: Não fique sozinha com este idiota, só isso.


Eu fico com quem eu quiser, vou logo te avisando!


Castiel: Quem você quiser, exceto o idiota.


(Ele saiu na direção da sala dos professores). Mas o que foi que deu nele.
(Eu dei meia volta para encontrar o Nathaniel... Por desejo de contradição, confesso...)


Ntahaniel: *Suspiro* ele me cansa...


Eu pensei que vocês dois se reconciliariam...


Nathaniel: Por que isto?


Bem... Agora que ele está sabendo sobre a Debrah, eu pensei que...


Nathaniel: Ele sabia o que a Debrah queria revelar quando vocês na sala dos professores. Ela não falou de mim.


E... Você não quer explicar ao Castiel o que ela tentou fazer com você?


Nathaniel: Para fazer o quê?


Pra que ele não te deteste mais?


Nathaniel: Você viu o Castiel?


Claro que sim, não mude de assunto!


Nathaniel: Eu não mudei, olhe ele bem e verá que ele já pensa em outra coisa. Qual o interesse de se fazer de vítima? Ele me detesta e eu ainda o detesto, pouco importa saber quem é o responsável, e ele voltou.


É uma pena.


Nathaniel: Faz bem ter alguém para detestar! apreciamos bem mais os outros.


Hum...


(Ele foi embora também).
(E eu que esperava uma reconciliação... Como se não fosse possível uma Sweet Amoris sem um Catiel e Nathaniel que se detestem)
(Já que estamos falando do Castiel, espero que tudo tenha se resolvido com a diretora)


Corredor 2


Rosalya: Não foi nada legal há pouco, quando você foi embora como uma fugitiva.


Mas... Tínhamos terminado de falar...


Rosalya: Não, não tínhamos nem começado! Você prometeu me deixar tomar conta do seu guarda-roupa. Você se lembra?


Sim, claro... Vamos daqui a pouco, não?


Rosalya: Sim! Eu te espero na frente da escola, assim terei certeza que não vou te perder!


Está bem, até daqui a pouco então!


Escadaria


E então? Como foi?


Castiel: Inacreditável se meter desta maneira nos problemas dos outros...


Você não foi expulso, não é?


Castiel: Não... Ela só anotou algo na minha ficha e prometeu falar com meus pais na próxima reunião de pais e professores. Eu tenho um castigo também, mas não sei se irei.


Não se faça de bobo, você tem que ir!
Confesse que você provocou...


Castiel: Eu não disse o contrário, mas não sei se irei mesmo assim.


Você não tem jeito...


Castiel: Se você tivesse argumentos um pouco mais convincentes, eu seria um pouco mais influenciável...


Argumentos? Eu vou logo te avisando, que se você falar de novo sobre os meus seios, você vai se ver comigo!


Violette: ...


(Violette passou no mesmo instante). Ah, oh, não Violette, não é o que você está pensando! É o Castiel!


Castiel: Eu falei sobre argumentos não sobre outra coisa... Você só pensa maldade, realmente!


(Eu vou matá-lo...)
(Ah, pelo menos não houve muitos problemas! A Rosalya me falou que me esperaria na frente da escola para irmos juntas a loja, não vou fazê-la esperar por mais tempo).


Pátio


(Eu saí da escola)


Rosalya: Então, vamos?


Sim!


Rosalya: Foi dada a largada! Você verá, ficará irresistível!


(Terminar a conversa)


Lojas


(Entramos na loja)


Rosalya: Então, que estilo devemos seguir?


Não sei ao certo... Poderíamos testar algumas roupas?


Rosalya: Está certo, vamos fazer assim!


(Rosalya colocou várias roupas na minha mão enquanto dava uma olhada nas prateleiras.)


Rosalya: Mas antes, você tem que testar estas roupas de baixo aqui!


O-O que? Você quer mesmo comprar?!


Rosalya: Sim, olha este conjunto! Ele é super fofo!


Rosalya: Per-fei-to! Lingerie cor chocolate, não tem nada mais bonito!


(É reconfortante saber que as amigas se preocupam até com nossa lingerie...)


Rosalya: Bom, agora as roupas! Eu não quero te levar a falência, vamos escolher apenas o essencial!


Está certo! Pegamos o quê?


Rosalya: Você que tem que me dizer! Tente imaginar qual traje é susceptível de agradar o rapaz que você gosta!


Eu bem que gostaria de agradar o Armin... 
Eu bem que gostaria de agradar o Castiel...
Eu bem que gostaria de agradar o Nathaniel...
Eu bem que gostaria de agradar o Lysandre...
Eu bem que gostaria de agradar o Kentin...


Rosalya: Ah, ah, sério? Eu acho que estes dois trajes irão agradá-lo... Você decide!





Rosalya: Você tem razão, é esta que combina mais com você!


Obrigada! Espero que ele goste também!


Rosalya: Não tem porquê não gostar!


(Próximo)
(Saímos da loja)


Rosalya: Você irá amanhã para a escola com sua roupa nova, não é mesmo?


Claro!


Rosalya: Ah, ah! Não vejo a hora de ver a reação dos rapazes! Até amanhã! Vamos ter que fazer isto de novo, foi divertido!


Quando meu dinheiro me autorizar novamente, prometo!


Apê


(Voltei para casa)
(E como sempre, voltei para escola no dia seguinte, após ter colocado as roupas compradas com a Rosalya no dia anterior)


Corredor Principal


Armin: ...


O que está acontecendo?


Armin: Nada... Foi apenas que, esta camisa te cai bem... Eu nuca te vi vestida com ela!


Ela é nova, é por isto?


Armin: Você está linda assim!


Diz logo que normalmente eu estou mal vestida!
Poxa, não era você quem eu pretendia agradar...


Armin: Mas não, você é linda de qualquer maneira!


Oh... Obrigada! (E-Eu não esperava por este tipo de elogio).


Corredor Principal


Castiel: ...


O que houve?:


Castiel: Você não está mal vestida hoje. Parece menos criança.


Obrig... Cri-Criança!!!


Castiel: Foi um elogio!


Ah, vá melhorar seu palavreado! Eu não em visto como uma criança!


Castiel: De qualquer maneira, você reage tal e qual!


E você? Você acha adulto rir da menina que acha bonita?


Castiel: A garota que o quê?


(Já havia um bom momento que eu queria falar isto!)


Castiel: Às únicas curvas que me agrada são as das minhas guitarras, e quando vejo como você é, sei que não poderá nem se comparar!


Eu não acredito nem um pouquinho!


Castiel: E por que isso?


Se contarmos o total de vezes que você fez um comentário sobre meus seios, imagino que deve ter batido o olho várias vezes!


Castiel: ...


(Não...)


Castiel: Hum... Ok, você venceu!


(Terminar a conversa)


Corredor Principal


Oi, Nathaniel!


Nathaniel: Oi...


(Ele está me olhando de forma estranha). Algum problema?


Nathaniel: Não, nada... Só acho que você está com pouca roupa hoje... Não é um traje adequado para ir a uma escola, se quer saber minha opinião.


Como você é desmancha prazeres!


Pátio


Olá, Lysandre!


Lysandre: Bom dia. Você teve vontade de mudar um pouco também?


Você está falando da minha roupa? Foi, estive com a Rosalya ontem.


Lysandre: Ela deveria estar nas nuvens!


Ela estava feliz, sim!


(Ele não falou mais nada, acho que não gostou da minha roupa)


Ginásio


Kentin: Oi.


(... Ele não diz nada sobre minha roupa...) Como você acha que estou hoje?


Kentin: Por que você quer saber isso?


Porque comprei esta roupa ontem, queria saber o que você acha.


Kentin: Ah, sim... Bem, sim, legalzinho.


... Só isso?


Kentin: Sinto muito, eu nem tinha percebido, não sei bem o que dizer.


Só precisa me dizer que me acha bonita!
Não se preocupe, eu não comprei estas roupas para mostrar para você mesmo.


Kentin: Você está sempr... Cof! Cof!


(A tosse foi meio forçada...)


Kentin: S-Sim, é verdade que este vestido fica melhor do que os outros.


Hum... Não foi isso que você quis dizer!


Kentin: ... Eu queria dizer que você é sempre linda...


J-Jura?


Kentin: Bom, sim... O que você veste, no final, não tem nenhuma importância.


O-Obrigada, Kentin...


Pátio


Rosalya: Sim, claro! podemos ir hoje a noite, se você preferir!


(A Rosalya está conversando com o Nathaniel)


Nathaniel: Sério? Muito obrigado. E desculpe te perguntar isto assim.


(Próximo)


Rosalya: Não tem problema, eu adoro isso!


D-Do que vocês estão falando?


Nathaniel: N-Nada não!


(Ele respondeu rápido demais, não deve ser bem isso...)


Rosalya: É uma história entre mim e o Nathaniel!


Entre vocês dois, hein...


Nathaniel: M-Mas isto não é nada pessoal! Quer dizer, é apenas um tipo de passeio entre dois colegas de sala! Nada mais!


(A Rosalya deu um tapa no ombro dele)


Rosalya: Realmente, guardar segredo não é o seu forte!


O que vocês vão fazer juntos lá fora?


Rosalya: Eu acabei de te dizer, isto é um segredo! Mas não se preocupe, eu não vou te roubar o seu Nathaniel.


N-Não é "meu" Nathaniel!


Rosalya: Hi, hi...


(Próximo)


Nathaniel: ...


(Ele está tão vermelho que podemos até fritar um ovo na cabeça dele...)
(Bem que eu queria saber o que eles estão tramando...)


Corredor Principal


(Se a Rosalya e o Nathaniel planejam sair, eles irão na cidade, com certeza! Eu acho melhor eu dar uma volta por lá)
(Eu saí da escola)


Apê


Aiê! (Eu estava olhando para baixo e dei um encontrão em alguém)


Nathaniel: O-Olá, Docete!


N-Nathaniel?


Foi isto que você planejou com a Rosalya? Você queria melhorar seu look também?


Nathaniel: S-Sim... Eu fiquei com vontade de mudar um pouco.


Ficou muito bom! Eu adoro o estilo desta gravata!
Ufa! Finalmente você se livrou daquela calça horrível!
Oh, não! Você estava bem melhor antes...


Nathaniel: Eu achei isto divertido.


(Próximo)


Nathaniel: Desculpe, mas eu andei bastante e tenho um monte de coisas para fazer quando chegar em casa. Eu preciso ir! Até amanhã!


Está bem, até amanhã!


(O Castiel e o Nathaniel mudaram... Talvez a Debrah fez bem em vir, como se os dois estivessem precisando!)
(Eu fiz meus deveres e me deitei...)
(E voltei para escola no dia seguinte)


Corredor 2


Prof. Faraize: Tenha cuidado, por favor!


(Prof. Faraizee Boris estão carregando algumas caixas grandes, cheia de furinhos em cima)
(Eles foram em direção ao fundo do corredor...)


Escadaria


(Eles foram para o primeiro andar)


1º Andar


Ôpa, a sala de ciências está aberta.


(Eu entrei na sala. Não havia ninguém, mas as caixas que os professores tinham carregado estavam agora sobre uma das mesas)
(Eu me aproximei de uma delas)


Oh! Como eles são fofinhos!! (Dentro das caixas tinham vários coelhinhos, alguns dormiam e outros mastigavam).
(Mas o que estes coelhos estão fazendo aqui?...)


Corredor 2


(Peggy passou por perto de mim sem me ver e entrou rapidamente na sala de aula)
(Mas o que está acontecendo?)


Sala de Aula B


(G-Gente, todo mundo está aqui!)


Peggy: Eu tenho certeza! Será como as rãs! Eles querem que a gente disseque os coelhos!


Violette: N-Não, não pode ser... Coitado dos coelhinhos...


Vocês estão sabendo sobre os coelhos?


Ambre: Todo mundo está sabendo, idiota! Eles querem matá-los para que nós possamos estudá-los.


(Estou completamente por fora...)


Castiel: Eu não entendo por que tanta algazarra por causa de roedores... São apenas coelhos, todo dia um é atropelado por aí. 


(Próximo)


Meninas: ..........................


*Todo mundo da sala olhou para ele de cara feia*


Castiel: Ok, ok, esqueçam o que eu disse...


(Próximo)


Iris: Precisamos salvá-los antes que alguém nos obrigue a matá-los!


Lysandre: Sinceramente, se alguém me pedir para anestesiar algum deles para depois dissecar, eu me recusarei. Devemos todos fazer o mesmo...


(Próximo)


Ambre: E se os professores entregarem para outra sala? Precisamos libertá-los, senão, eles não terão nenhuma chance de sobreviver!


Mas... Talvez eles queiram apensa que a gente olhe para eles... Seria pedir demais nos mandar dissecar coelhos...


Peggy: Não vamos deixar passar esta! Se não fizermos alguma coisa agora, talvez não teremos outra oportunidade! Todo mundo está de acordo comigo?


(Próximo)


Meninas: Sim!!


Está bem.


Rapazes: ...


Rapazes...?


Rapazes: ... Ok...


(Próximo)


Peggy: Então, o que estamos esperando?


(Próximo)


Castiel: Porquê eu não fui descansar numa outra sala de aula...


(Pobre Castiel...)


Mas como vocês vão fazer?


Peggy: É verdade, se eles não pegarem, vamos ter uma hora de punição coletiva...


(Próximo)


Ambre: Docete vai se virar para pagar a minha punição no meu lugar, ela é boa nisso!


(Pestinha...)


Peggy: Devemos ir um de cada vez. Alguns pegarão um coelho e levarão para frente da escola. Lá, os outros irão aguardar até podermos levar os coelhinhos até o parque mais próximo! 


Faremos duas equipes?


Peggy: Sim! Quem cuida do quê?


(Formamos dois grupos e uma metade da escola foi para o pátio e a outra metade ficou na sala, inclusive eu)


Peggy: Vamos em grupos de três! Quem quer ir primeiro?


Eu quero!


Armin: Eu também, assim terminarei logo.


(Próximo)


Nathaniel: E eu também, se vocês não se incomodarem.


(Armin, Nathaniel e eu mesma saímos da sala para salvar os coelhinhos)


Sala de Ciências


Nathaniel: Vamos pegar um de cada!


Vocês não acham eles fofinhos?...


Nathaniel: Sim, claro. Não estaríamos aqui se não tivéssemos nada para fazer.


(Próximo)


Armin: Você está brincando? Não tivemos escolha!


Psiu, façam menos barulho, não é possível!


Armin: Ah, calma, não é como se estivéssemos fazendo AQUELE barulho...


(Ao dizer isto, ele quis ver os coelhos de perto novamente e deixou cair a cadeira que estava perto dele.)


Nathaniel: Um ninja... Hein?


(Próximo)


Armin: Está faltando treinamento...


(Cada um pegou um coelho. O meu se aconchegou nos meus braços e ficou quietinho.)


Armin: Bem, alguém têm uma sorte daquelas!


Hein?


Armin: Mas, sim... Você viu onde ele está dormindo seu... Aiê!


(Nathaniel, que estava colocando a cadeira no lugar, aproveitou para bater nas pernas de Armin com ela)


Armin: Você está maluco!


(Próximo)


Nathaniel: Desculpe, não fiz por querer.


(... Como durante os ensaios do show, com as baquetas...)


Armin: Eles são inconsequentes... Deixar a porta aberta com todos esses bichos dentro...


(Prof. Faraize vai ter problemas novamente...)


Nathaniel: Não devemos ficar na sala por muito mais tempo, vamos!


Sim!


Corredor 2


Nathaniel: Deveríamos ter pego algo para escondê-los, se alguém sair de uma sala de aula, estamos fritos...


Vamos sair daqui logo!


Armin: Sim, mas meu coelho não está tão bem acomodado quanto o da Docete. Ele quer fugir!


(Terminar a conversa)


Pátio


Ufa, conseguimos sair!


Armin: Bem que eu não avisei que não havia nenhum risco!


(Quase que fomos descobertos por sua culpa...)
(Saímos da escola para entregar os coelhos aos outros)


Alexy: Tudo ocorreu bem com vocês?


Sim, três coelhos salvos!


Castiel: Você está brincando, eles não vão ficar nem um dia no parque...


Você quer parar de ser assim, tão pessimista?


Castiel: Eu não sou pessimista, sou realista.


(Eu entreguei meu coelho para a Violette). Cada um tem seu ponto de vista...


Violette: Coitadinho... Vamos logo ao parque!


E voltamos para a escola.


Armin e Nathaniel: Isso!


(Próximo)
(Voltamos para o pátio)


Corredor 2


Peggy: Vamos, precisamos ir rapidamente! Prof. Faraize está perto da sala de ciências!


(A Peggy e os outros estão carregando dois coelhos cada um). Por quê vocês não pegaram apenas um?!


Bia: Você está surda? Acabamos de dizer que o Prof. Faraize está por perto!


Não tem mais nenhum coelho por lá?


Peggy: Não estão todos aqui! Deixe a gente passar, antes que alguém nos encontre!


(Deixamos a passagem livre).


Armin: Eu não me arrependo de ter entrado nesta escola, nem eu, nem meu irmão! Como a gente se diverte!


(Próximo)


Nathaniel: E eu começo a me arrepender do que nós fizemos... Prof. Faraize vai ter problemas por nossa causa.


Não tínhamos escolha... Mesmo o Castiel se sentiu obrigado a participar, imagine!


Armin: E agora? O que vamos fazer?


Vamos aguardar o final do intervalo.


Armin: Ou os gritos da diretora, melhor dizendo!


(Vamos nos queimar nesta direitinho...)


Corredor 2


(Estou sentindo um frio na barriga...)


(Olha só, o Castiel). O que você está fazendo aqui?


Castiel: Os idiotas acham que esquecemos um coelho na sala de ciências... No sortei do lápis mais curto eu perdi.


Ah, é? Espera, eu vou com você!


Castiel: Você não consegue largar do meu pé, hein?


Anda ao invés de falar besteira!


Sala de Ciências


(Entramos na sala de ciências)


Castiel: Eu não vejo coelho nenhum...


Talvez ele esteja escondido? (Eu olhei um pouco por toda a sala). 


(Ouvimos passos no corredor).


Castiel: *Murmura* Nossa! Se for um professor, vamos nos ferrar por todo mundo!


(Nos escondemos o máximo possível.)


*Clic*


(Mas ninguém entrou, apenas trancou a porta)


Castiel: Não acredito!


(Castiel foi em direção a porta, mas não tinha ninguém). Estamos trancados?!


Castiel: Só acontece com você este tipo de coisa!


Você está aqui também, vou logo te avisando!


Castiel: Porque estou com você, por isso acontece... Caramba... Não é possível um professor desses, não passou pela cabeça dele vir verificar se havia alguém aqui dentro?


Estávamos escondidos de qualquer maneira...


*Pffffffff*


(Ouvimos um barulho perto do escritório)


Oh, o coelho está aqui! (Eu o peguei nos meus braços)


Castiel: Super... Estou trancado numa sala de ciências com uma garota e um coelho!


Descarte seu mal humor em outra pessoa!
Castiel, por favor... Eu também estou trancada aqui.


Castiel: Você quer que eu descarregue com o quê então? O coelho?


(Ele falou tão alto que o coelho tomou um susto).


Ah! Socorro! (O coelho aproveitou que eu estava com uma blusa larga e se escondeu por dentro). Ele está me arranhando!


(Eu retirei minha blusa para pegar o coelho pelo pescoço)


Castiel: M-Mas o que você está fazendo?


(Castiel está com minha camisa em suas mãos, eu devo ter lançado para ele quando a tirei)
(E-Espera aí... Se minha blusa está nas mãos do Castiel... Isto quer dizer que...)


*Clic*


(Próximo)


Prof. Faraize: Mas que barulho é es...





Prof. Faraize: ...


(Quero morrer...)


Castiel: N-Não é o que o senhor está pensando...


(Próximo)


Prof. Faraize: ...Eu não vi nada...


(Prof. Faraize saiu da sala com a mão na cabeça e repitendo esta frase...)


(Eu coloquei o coelho no chão e peguei minha blusa da mão do Castiel). Pervertido! A culpa é sua!


Castiel: M-Minha culpa? Está doida!? Eu nunca te forcei a tirar sua roupa, que eu saiba!


Afe, se a Peggy descobre que eu fiquei de sutiã na mesma sala que você...


Castiel: Vai... Pense que pelo menos tem um ponto positivo neta história toda...


Ah, é? Qual é?


Castiel: ...Não posso mais te chamar de tábua...


(É um lado bom isso?!)
(Rosalya vai ficar contente... Pelo menos alguém viu o que ela comprou para mim... Mas gente, por que este tipo de coisa só acontece comigo?!).
(Castiel pegou o coelho e propôs levá-lo para fora da escola. Nós saímos da sala juntos, evitando a todo custo cruzar nossos olhares).


Castiel: Pfffff


(Enfim... Pelo menos eu).


Corredor Principal


(Prof. Faraize passou por perto de mim, ele estava suando muito)
(Ele deve ter percebido que os coelhos não estão mais por lá)


Grêmio


Peggy: *Suspiro*


Peggy? O que foi?


Peggy: Você viu o Faraize? Ele está dando voltas no corredor há um bom tempo... Adivinha por quê?


Claro, não é nada difícil entender.


Peggy: Eu ouvi a conversa dele com o Sr. Boris, escondida na sala de ciências, exatamente quando eles se deram conta do sumiço... Eles não queriam matar os coelhos, apenas no deixar ouvir o coração, coisas do tipo. Eles deveriam devolvê-los amanhã à noite para o pet shop que tinha emprestado...


Oh, não! Você quer dizer que...


Peggy: ...Minha "notícia em primeira mão", mais uma vez, um desastre!


(Ela bateu forte o pé no chão)


Peggy: E todo mundo vai ficar sabendo, que azar!


Você poderia se preocupar um pouco com o prof. Faraize...


Peggy: Não foi minha culpa, se a porta não tivesse ficado aberta, nada disso teria acontecido!


(Terminar a conversa)


Pátio


Iris: Você ouviu? Os coelhos não estavam em perigo, finalmente...


Sim, a Peggy acabou de me contar.


Iris: Não tem problema, estes bichinhos estão melhor em liberdade que num pet shop!


Não acho que prof. Faraize pense o mesmo que você.


Pátio


Castiel: Que ninguém venha me dizer que a culpa é minha!


(Castiel está conversando com o Lysandre)


Lysandre: Nós somos todos responsáveis...


(Próximo)


Castiel: Eu sempre avisei que seria uma grande asneira!


(Próximo)


Vocês estão falando sobre os coelhos?


Lysandre: Sim. Que pena, não é mesmo?


Como bem disse a Iris, pelo menos eles estão livres agora!


Castiel: Nda, eles vão acabar sendo engolidos por um gato ou uma raposa...


(Próximo)


Lysandre: ...


(Próximo)


Castiel: O quê? Não acredito, você também?


Vocês tem ideia do que irá acontecer a partir de agora?


Castiel: Se quer saber minha opinião, Faraize vai ser demitido.


(Próximo)


Lysandre: Castiel...


(Oh, não... Espero que não...)


Ginásio


Alexy: Mas, coitado! Você não se dá conta!! Ele vai ser demitido!


Armin: Não é um aluno, não podem expulsar assim...


Vocês estão falando do prof. Faraize?


Alexy: Sim... A Peggy te contou? Na verdade eles só queria que olhássemos os coelhos...


Ela me disse sim.


Alexy: Que fora... Estávamos todos errados.


Armin: Pelo menos foi divertido.


(Próximo)


Alexy: O que devemos fazer para que você se sinta pelo menos afetado pelo evento?


Armin: Mas eu estou! Só não acho que seja o fim do mundo... O pior que pode acontecer é ter que comprar uns coelhos.


(Próximo)


Alexy: Oh, não! Eu queria mudar de fone de ouvido!


Armin: Nem me fale... Não tenho um tostão...


(Próximo)


Alexy: Realmente é falta de sorte... Eles poderiam tentar achar uma outra solução!


Êi... Vocês estão falando em reembolso, rapazes, ninguém nos falou nada ainda.


Pátio


Kim: Ah! Você está aqui!


O que foi desta vez?


Violette: Estávamos esperando apenas saber sua opinião. Vamos dizer a diretora o que fizemos, para que prof. Faraize não seja demitido! Você está de acordo?


Todo mundo concordou?


Violette: A Ambre e suas colegas não quiseram que falássemos delas, mas não ligamos.


(Isto teria me surpreendido...) Estou de acordo também! Vocês vão agora?


Violette: S-Sim... É importante...


Eu vou com vocês!


Kim: Obrigada! Espero que você tenha protetor de ouvidos, pois ela pode gritar!


(Terminar a conversa)


Corredor Principal


Violette: Professor Faraize já está no escritório...


(Eu bati na porta)


Prof. Faraize: Senhoritas? O-O que vocês estão fazendo aqui?


Gostaríamos de falar com a diretora!


Prof. Fraize: E-Ela não está disponível no momento...


Prof. Faraize! Fomos nós que libertamos os coelhos!


Prof. Faraize: Q-Quê?!


(Próximo)


Diretora: O que está acontecendo? O que o senhor quer me falar, Sr. Faraize?


(Próximo)


Prof. Faraize: É... Bem... Não verdade, eu...


(Próximo)


Kim: Ele queria nos dar uma aula de ciências um pouco especial e fizemos uma grande besteira.


(Próximo)


Violette: Pensamos que os professores queria matar os coelhos, entendem?...


(Próximo)


Kim: E estes pobres animais, não podíamos deixá-los assim!


Por isso libertamos os coelhos... Antes de saber, finalmente, que vocês queriam apenas que os observássemos.


Violette: Não demita o professor Faraize... Por favor...


(Próximo)


Diretora: ...


(Estamos fritos...)


Diretora: Ah Ah Ah! Ah Ah Ah! É-É verdade? Vocês três pensaram que iriamos... Ah ah ah!


(É uma risada nervosa ou ela acha realmente engraçado?)


Diretora: Estas senhoritas estão falando dos roedores que pegamos no pet shop?


(Próximo)


Prof. Faraize: S-Sim... Eu tinha deixado a sala de ciências aberta. Quando me dei conta, não tinha mais nada nas caixas...


(Próximo)


Diretora: Bem, vocês foram rápidas! Deveriam estar bem organizadas, ah ah! Se fossem assim tão rigorosas com seus deveres de casa...


Ah... Ah... Foi graças a mobilização de classe...


Violette: Quase tudo!


(Vá para o inferno, Ambre, estamos todos no mesmo barco!)


Diretora: Ah ah ah!


(Próximo)


Prof. Faraize: Eu sinto muito... Se eu tivesse tido mais cuidado...


(Próximo)


Diretora: Pensem que graças a bobagem de vocês, os bichinhos estão felizes! Elas têm razão, estes coelhinhos estão bem melhores lá fora!


(Próximo)


Prof. Faraize: Mas... E o pet shop?


(Próximo)


Diretora: Eu acho que teremos que reembolsar. O show nos permitiu uma coleta de fundos mais que suficiente para o nosso projeto, podemos pagar uma pate para consertar esta besteira.


(Q-Quem é você e o que você fez com a verdadeira diretora?!?)
(A diretora voltou para o escritório dela rindo e o professor Faraize foi para a sala de ciências).


Kim: Eu não entendi... fomos punidos?


N-Não... A diretora nem sequer levantou a voz...


Violette: Talvez algo a tenha deixado de bom humor?


Com certeza... Uma pena que não é sempre!


Violette: Ou então ela gosta muito de animais! Como nós!


(É... Talvez não...)


Kim: Vai ver que, quem sabe, seu cachorro teve filhotes!


Totó Junior em série? Oh, piedade, não!


Pátio


(Finalmente tudo voltou ao normal. E o Armin estava certo, foi divertido!)
(A aula de ciências ocorreu sem coelhos, claro, e tivemos que pegar os manuais da biblioteca para poder estudar.)
(Agora só me resta voltar para casa e curtir o fim de semana! Talvez eu aproveite para sair um pouco da cidade...)


Ps: Se quiserem me add no amor doce é só enviar o convite para: EmilyCrisly.

5 comentários:

  1. Você pode me dizer que se eu escolher "eu quero agradar o castiel" mas escolher a roupa do Lysandre eu irei ganhar a imagem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sou ela mas vou responder mesmo assim, bom como você pode ver cada imagem tem uma roupa diferente de acordo com o seu paquera, então não... Você não ganha a imagem. Espero ter ajudado (:

      Excluir
  2. Descobri seu blog faz pouco tempo mas me ajudou bastante! Eu to morrendo de rir do que aconteceu com a docete (a imagem)kkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Se eu ficar trancada com o lys ou o kentin Quais são as respostas certas ?
    Ps:adorei seu blog mal conheço mas já considero pakas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que tens d escolher o outfit correto. Assim, ficas trancada com aquele que querias agradar. Eu acho, não tenho a certeza.

      Excluir