quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Amor Doce: Episódio Halloween 2012

                     Episódio Halloween 2012

(Eu acabei dormindo, quando deveria estar revisando... A noite caiu, eu preciso voltar para casa logo).


*Miaaaaaaaaaau*


Aaaaaa!!!! (Gente do céu, que bobão é este gato, ele me assustou!)
(Um minuto, o que este gato está fazendo aqui? Como ele conseguiu entrar?)


*Miaaaaaaau*


Espera, gatinho! Volte!


Pátio


(Ah, ele foi na direção do jardim!)


Jardim


*Miaaaaaaaau*


Vem cá, gatinho! (Ele se escondeu atrás da estufa)


*Fffffffffffffffffffffffffffff*


Hã? (Eu acabei de sentir um vento frio)


Uaaaaaaaaaaaau!! (O que está acontecendo aqui?!?)


AAAAAAAAh!


Ai!... Minha cabeça... (Onde fui parar? É estranho... um local que não lembra em nada a escola...)


O Lago


(Como é estranho aqui... Não me sinto segura de jeito nenhum).


Frente da Casa


(Uma casa? As luzes estão acesas, tem alguém lá dentro, com certeza...)


(Bater na porta)
(Olhar pela janela)


*Miauuuu*


Oh! Mas era você que estava na escola! (Eu quis acariciar o gato, mas ele desceu do barriu e passou próximo ás minhas pernas, antes de ir embora).


É um bom sinal, isto quer dizer que há um meio de voltar para casa, visto que este gato pôde voltar para a escola.


(Eu voltarei mais tarde)


O Lago


*Brrrr* A água está super escura... Não consigo ver o fundo do lago ele parece horrivelmente frio. Se eu tivesse um meio de voltar para casa...


(Inclusive, não é apenas a água do lago que parece estar gelada. Está super frio aqui!)


*Aaaaa... Aaaaaaa... Atchim*


Bruxa: SUA BOBOCA!!!! HÁ TRÊS HORAS QUE EU ESPERO UM PEIXE APARECER PARA PEGÁ-LO E VOCÊ CHEGA E ESTRAGA TUDO!


(U-Uma bruxa!!! Estou frita! Se ela não der cabo de mim, é o chapéu dela que dará!)


Bruxa: Diga pelo menos alguma coisa! Peça desculpas por me ter feito perder meu tempo!


D-Desculpa... Eu não sabia que a senhora estava pescando aqui.


Bruxa: Eu não estou pescando! Estou caçando! Estes peixes bobocas não me deixam pegá-los com o anzol, preciso esperar que eles se sintam seguros e que decidam dar uma olhada fora do lago! Nada a ver com uma pescaria!


Que tipo de peixe pode fazer isto?


Bruxa: Do tipo que estão morando no meu lago. Não é que isto me incomode, mas além de abusar da minha hospitalidade, estes bobocas não se deixam pegar para que eu possa cozinhá-los na minha poção!! Bobocas ingratos!


(Se eles são tão espertos assim, é normal que eles precisam viver...)


Bruxa: E o que uma boboca como você está fazendo aqui? Você se perdeu ao voltar para casa?


Não... Enfim, podemos dizer isto...


Bruxa: Apenas os bobocas não tem certeza! Você se perdeu ou o quê?


Eu fui aspirada por um vórtice ao querer seguir um gato, digamos que não considero isto me perder!


Bruxa: Você seguiu um gato numa noite de Halloween? Boboca!


E-Eu... Eu não podia saber que isto me traria aqui!


Bruxa: Não venha se desculpar! Siga-me você me dá pena ao tremer de frio assim. Estaremos mais aquecidas em casa.


(Terminar a conversa)


Frente da Casa


Bruxa: Entre logo!


(A bruxa tirou um grande chaveiro de seu bolso e abriu a porta)


Bruxa: Sente e não toque em nada.


S-Sim. (Uau... Uma bruxa de verdade... O que será que ela tem em seu caldeirão...)


(Olhar dentro)
(O melhor é não tocar em nada)


*Miaaaaaau*


Oh! O gato! (Ele estava atrás do caldeirão, ele passou mais uma vez por minhas pernas antes de ir embora)


Bruxa: Foi ele que você seguiu?


Foi.


Bruxa: Estranho...


(Próximo)


Bruxa: Você vai me ajudar, tome, pegue isto, é um dos meus antigos trajes. Você precisa pelo menos um traje de aprendiz de bruxa para desejar ter um minimo de eficiência com magia.


Muito obrigada! (Finalmente, até que ela é gentil!)


Bruxa: Retire este sorriso dos seus lábios, não é de graça.


Ah?


Bruxa: Veja bem, eu estou tentando fazer uma poção que me permita ver o futuro. Só que estou com dificuldades para encontrar todos os ingredientes necessários. Eu não poço sair de perto do caldeirão durante a preparação, preciso mexer a poção e verificar o fogo sempre. E como alguns dos ingredientes devem ser colhidos ou pegos frescos, estou presa aqui...


Você quer que eu mexa o caldeirão no seu lugar?


Bruxa: Claro que não! Eu não vou te dar o mais fácil para fazer. É você que tem uma divida comigo e não o contrário! Eu preciso tirar vantagem disto. Não, o que eu quero é que você vá procurar os ingredientes que faltam. 


Eu prefiro cuidar do caldeirão...
Não... Por favor.


Bruxa: Sou uma bruxa, você acha mesmo que a educação tem algum efeito comigo? Ah ah ah, como você pode ser ingênua, pobre garotinha...


Não, foi bobo da minha parte...


E depois, o que irá acontecer?


Bruxa: Como assim "e depois"?


Bem, se eu te ajudar, a senhora poderá me enviar de volta para casa?


Bruxa: Você se concentra demais nos detalhes...


Voltar para casa NÃO é um detalhe!! É muito importante!


Bruxa: Ah ha ah... Minha companhia te desagrada a este ponto? Que ingrata, eu que acabei de te dar um traje tão bonito...


Desculpa, a senhora me assusta um pouco.
Não, eu acho a senhora super gentil!
É verdade, obrigada pelo traje.


Bruxa: Estou feliz por ouvir isto. Eu seria uma bruxinha de nada se não assustasse um pouquinho pelo menos, não é mesmo?


(É mais o seu chapéu que dá medo...)


Você pode me enviar para minha casa, então?


Bruxa: Se você faz tanta questão, sim. Eu te enviarei nesta escola tediosa.


Está bem, então! O que a senhora precisa? Baba de sapo? Olhos de aranha?


Bruxa: Céus, como é cansativo escutar bobagens de uma boboca...


Ah, eu não sabia... O que eu devo pegar, então?


Bruxa: Vejamos... Eu vou precisar... de um morcego!


O q-quê?


Bruxa: Um morcego! Você sabe, aqueles bichos pequenos que gostam de sangue...


Que... Como você quer que eu pegue um?


Bruxa: Com isso!


(Ela me deu uma rede de borboletas). É uma piada?


Bruxa: Não! Agora corre me pegue um morcego! E não volte até ter conseguido um!


(Terminar a conversa)


Jardim Pequeno


Tem bastante morcego aqui... Espero que eles não tentem me pegar.


(Eu tentei pegar um, com a rede de borboletas e consegui... durante quinze segundos. O morcego escapou e a rede quebrou)


Ela pensou mesmo que eu conseguiria pegar um com esta coisa?!


Casa da Bruxa


Bruxa: Então, você troce o morcego?


Não... Eu quase consegui, mas a rede quebrou...


Bruxa: Que história é essa?! Você prometeu me ajudar! Então volte para procurar este bicho!


Eu não prometi nada, foi você que me obrigou... E como acabei de dizer, a rede quebrou.


Bruxa: Pois então procure outra coisa! Eu consegui pegar todos os morcegos, cuja as asas agora compõe meu manto, de uma só vez, com a rede que você quebrou. Visto que você foi incapaz, se vire agora, mas eu quero este bicho e quero rapidamente!


(Eu nunca mais vou voltar para casa...)


Jardim Pequeno


Como eu faço agora... Eu jogo pedras até atingir um?


... Talvez não seja uma má ideia.


Espere ai! E se eles se zangarem e voarem sobre mim?
Eu preciso pegar algumas pedras...


Sim, o melhor é não me arriscar. Preciso achar outra coisa...


*Miaaaaaau*


Oh, o gato!


(O gato pulou para pegar um morcego que estava voando e me entregou o morcego... morto)


O-Obrigada gatinho... Que gentileza (Eca... Eu espero que ela não queira vivo)


Casa da Bruxa


Pronto, acabei pegando um.


Bruxa: Per-fei-to. Ele está vivo?


Não... Sinto muito.


Bruxa: Bom, não é muito grave, no livro não há nenhuma indicação se ele deve estar vivo ou morto. Entregue para mim agora!


(Eu entreguei o morcego para a bruxa)


Bruxa: Tem marcas de mordida por cima...


Ah, sim... Foi o gato que pegou...


Bruxa: Verdade? Ele te seguiu novamente?


Sim...


(Ela jogou o morcego no caldeirão e a poção mudou de cor)


Bruxa: Muito beeeem! Agora, o segundo ingrediente que preciso... patas de aranha arrancadas recentemente... isto eu posso fazer sozinha, eu tenho um pote de vidro de aranhas no meu bolso...


(Ufa, me livrei dessa!)


Bruxa: O-O que... Eu não tenho mais?


(Ou não...)


Bruxa: Eu devo ter deixado cair quando fui ao lago... Vá ver se está lá!


Ah, não, foi a senhora quem perdeu, a senhora que deve ir!
E quem é a boboca agora?


Bruxa: ...


E-Eu só estava brincando ahah, eu vou procurar logo. (É uma bruxa, Docete, você quer que ela te transforme num sapo ou o que?)


O Lago


(Foi aqui que ela pensou ter perdido o frasco...)


Casa da Bruxa


Aqui está o pote de vidro, ele estava mesmo perto do lago.


Bruxa: Você poderia ter feito tudo isso mais rapidamente! Um pote deste tamanho, se encontra facilmente!


Eu fiz o melhor possível...
Mas também não era para se perder facilmente...


Bruxa: A prova que não... Enfim, pelo menos agora você pode passar a etapa seguinte desta maldita poção...


(Ela também está começando a cansar de tudo isto?)


(Ela começou a mexer nas aranhas, eu olhei para outra direção deliberadamente)
(Ela começou a mexer nas aranhas, eu olhei como se fascinada)


*Miaaaaau*


(O gato estava do meu lado, aproveitei para acariciá-lo)


Bruxa: E agora o ingrediente final! Aquele que me permitirá ver o futuro...


(Próximo)


(Próximo...?)


Bruxa: @léÇ'@@%$!!!! EU NÃO CONSIGO LER!


(Eu me aproximei do livro cuidadosamente e, realmente, a tinta estava borrada tornando a leitura impossível)


Bruxa: Você consegue ler alguma coisa?


Bem... Não...


Bruxa: ENTÃO, CONCENTRE-SE! Se não conseguir fazer esta poção, eu não te enviarei para sua casa!


Está bem, está bem... (Eu apertei os olhos, como se isto pudesse me ajudar...) Eu acho que está escrito...


Nathaniel


Suco de Cenoura
Peixe
Grãos
Cogumelos 
Cristais


Bruxa: Grão de nigela... sim, é isto mesmo! Não está tão longe de casa, não erre o seu caminho!


Está bem... 


Bruxa: É o ingrediente mais importante da poção! É realmente importante!


Está bem, está bem...


Bruxa: O que você está esperando? Vá procurar!


(Vá, Docete, diga para si mesma que após tudo isso você poderá voltar para casa...)


Frente da Casa


(Viva, tenho os grãos)


Casa da Bruxa


Bruxa: Então?


Ótimo! Tenho o ingrediente!


Bruxa: Ah, chegou na boa hora! Entregue-me imediatamente!


(Não diga obrigada, viu?...)


Bruxa: Bom, vejamos...


(Ela jogou o ingrediente no caldeirão)


Bruxa: Oh! está acontecendo algo! Eu posso ver uma forma no caldeirão!


Ah, é! (Eu me curvei para ver também)






 (N-Nathaniel? Ele está se vestindo, parece que está se preparando para ir á escola...)


Bruxa: E-Eu não consegui ver nada... Você conseguiu ver o futuro? Eu serei a bruxa mais potente do mundo? Talvez reinarei nestas terras?!


Bem... Não era o futuro... Eu acho que vi o instante preciso da vida de alguém que conheço.


Bruxa: AHHHHH! Perdeu, perdeu e perdeu! Você não serve para nada! Saia daqui imediatamente! Boboca!


(Terminar a conversa)


Frente da Casa


Nossa... Ela estava super zangada!


*Miaaaaau*


Você de novo? Você gosta de mim, hein?


Bruxa: Eu fiz o necessário para que você possa voltar para casa. Beba isto e desapareça da minha frente! E leve este gato também, se ele se liga a pessoas tão inúteis como você, eu não quero vê-lo!


O-Ok...


(Pobre gatinho... Ele ficará melhor morando comigo!)


Bruxa: Beba está poção agora!


N-Não é veneno, é?


Bruxa: Estou com vontade, mas ficarei só na vontade, BEBA!


(Eu levei a poção até minha boca... Ela era horrível)


Bruxa: E nem tente voltar aqui! Eu não te ajudarei outra vez!


"Eca" E-Está bem. (Acho que vou vomitar...)


UAAAAAAAAAAUUU!


Ai... Não é agradável mesmo...


(Eu voltei para casa e não contei esta aventura para ninguém... Quem iria acreditar?)


*Miau*


(Mas terei que encontrar uma boa desculpa para o gato...)


Castiel


Suco de Cenoura
Peixe
Grãos
Cogumelos 
Cristais


Bruxa: Você acha? Tem várias no jardim, perto dos espinheiros. Mas a cenoura precisa ter uma forma per-fei-ta.


O que tem a ver?


Bruxa: É o ingrediente mais importante da poção! É realmente importante!


Está bem, está bem...


Bruxa: O que você está esperando? Vá procurar!


(Vá, Docete, diga para si mesma que após tudo isso você poderá voltar para casa...)


Casa da Bruxa


Bruxa: Então?


Ótimo! Tenho o ingrediente!


Bruxa: Ah, chegou na boa hora! Entregue-me imediatamente!


(Não diga obrigada, viu?...)


Bruxa: Bom, vejamos...


(Ela jogou o ingrediente no caldeirão)


Bruxa: Oh! está acontecendo algo! Eu posso ver uma forma no caldeirão!


Ah, é! (Eu me curvei para ver também)




(C-Castiel? Uau, parece que ele acabou de sair do banho...)


Bruxa: E-Eu não consegui ver nada... Você conseguiu ver o futuro? Eu serei a bruxa mais potente do mundo? Talvez reinarei nestas terras?!


Bem... Não era o futuro... Eu acho que vi o instante preciso da vida de alguém que conheço.


Bruxa: AHHHHH! Perdeu, perdeu e perdeu! Você não serve para nada! Saia daqui imediatamente! Boboca!


(Terminar a conversa)


Frente da Casa


Nossa... Ela estava super zangada!


*Miaaaaau*


Você de novo? Você gosta de mim, hein?


Bruxa: Eu fiz o necessário para que você possa voltar para casa. Beba isto e desapareça da minha frente! E leve este gato também, se ele se liga a pessoas tão inúteis como você, eu não quero vê-lo!


O-Ok...


(Pobre gatinho... Ele ficará melhor morando comigo!)


Bruxa: Beba está poção agora!


N-Não é veneno, é?


Bruxa: Estou com vontade, mas ficarei só na vontade, BEBA!


(Eu levei a poção até minha boca... Ela era horrível)


Bruxa: E nem tente voltar aqui! Eu não te ajudarei outra vez!


"Eca" E-Está bem. (Acho que vou vomitar...)


UAAAAAAAAAAUUU!


Ai... Não é agradável mesmo...


(Eu voltei para casa e não contei esta aventura para ninguém... Quem iria acreditar?)


*Miau*


(Mas terei que encontrar uma boa desculpa para o gato...)


Armin


Suco de Cenoura
Peixe
Grãos
Cogumelos 
Cristais


Bruxa: Cristais? Mas claro! Mas claro a potência deles vai dar o poder desejado para a poção! Temos na frente da casa, até você não terá dificuldades para pegá-los! Mas cuidado são pesados...


Está bem...


Bruxa: O que você está esperando? Vá procurar!


(Vá, Docete, diga para si mesma que após tudo isso você poderá voltar para casa...)


Casa da Bruxa


Bruxa: Então?


Ótimo! Tenho o ingrediente!


Bruxa: Ah, chegou na boa hora! Entregue-me imediatamente!


(Não diga obrigada, viu?...)


Bruxa: Bom, vejamos...


(Ela jogou o ingrediente no caldeirão)


Bruxa: Oh! está acontecendo algo! Eu posso ver uma forma no caldeirão!


Ah, é! (Eu me curvei para ver também)




(A-Armin? Eu suponho que ele está jogando, e estava vestido para o ambiente! Um jogo de ninjas talvez...)


Bruxa: E-Eu não consegui ver nada... Você conseguiu ver o futuro? Eu serei a bruxa mais potente do mundo? Talvez reinarei nestas terras?!


Bem... Não era o futuro... Eu acho que vi o instante preciso da vida de alguém que conheço.


Bruxa: AHHHHH! Perdeu, perdeu e perdeu! Você não serve para nada! Saia daqui imediatamente! Boboca!


(Terminar a conversa)


Frente da Casa


Nossa... Ela estava super zangada!


*Miaaaaau*


Você de novo? Você gosta de mim, hein?


Bruxa: Eu fiz o necessário para que você possa voltar para casa. Beba isto e desapareça da minha frente! E leve este gato também, se ele se liga a pessoas tão inúteis como você, eu não quero vê-lo!


O-Ok...


(Pobre gatinho... Ele ficará melhor morando comigo!)


Bruxa: Beba está poção agora!


N-Não é veneno, é?


Bruxa: Estou com vontade, mas ficarei só na vontade, BEBA!


(Eu levei a poção até minha boca... Ela era horrível)


Bruxa: E nem tente voltar aqui! Eu não te ajudarei outra vez!


"Eca" E-Está bem. (Acho que vou vomitar...)


UAAAAAAAAAAUUU!


Ai... Não é agradável mesmo...


(Eu voltei para casa e não contei esta aventura para ninguém... Quem iria acreditar?)


*Miau*


(Mas terei que encontrar uma boa desculpa para o gato...)


Lysandre


Suco de Cenoura
Peixe
Grãos
Cogumelos 
Cristais


Bruxa: Um dos peixes do lago? Mas é claro! É por isso que eu estava procurando antes de pegar você!


M-Me "pegar" ?!


Bruxa: O que você está esperando? Vá procurar!


(Vá, Docete, diga para si mesma que após tudo isso você poderá voltar para casa...)


Casa da Bruxa


Bruxa: Então?


Ótimo! Tenho o ingrediente!


Bruxa: Ah, chegou na boa hora! Entregue-me imediatamente!


(Não diga obrigada, viu?...)


Bruxa: Bom, vejamos...


(Ela jogou o ingrediente no caldeirão)


Bruxa: Oh! está acontecendo algo! Eu posso ver uma forma no caldeirão!


Ah, é! (Eu me curvei para ver também)




(L-Lysandre? Parece que ele está perdido em pensamentos...)


Bruxa: E-Eu não consegui ver nada... Você conseguiu ver o futuro? Eu serei a bruxa mais potente do mundo? Talvez reinarei nestas terras?!


Bem... Não era o futuro... Eu acho que vi o instante preciso da vida de alguém que conheço.


Bruxa: AHHHHH! Perdeu, perdeu e perdeu! Você não serve para nada! Saia daqui imediatamente! Boboca!


(Terminar a conversa)


Frente da Casa


Nossa... Ela estava super zangada!


*Miaaaaau*


Você de novo? Você gosta de mim, hein?


Bruxa: Eu fiz o necessário para que você possa voltar para casa. Beba isto e desapareça da minha frente! E leve este gato também, se ele se liga a pessoas tão inúteis como você, eu não quero vê-lo!


O-Ok...


(Pobre gatinho... Ele ficará melhor morando comigo!)


Bruxa: Beba está poção agora!


N-Não é veneno, é?


Bruxa: Estou com vontade, mas ficarei só na vontade, BEBA!


(Eu levei a poção até minha boca... Ela era horrível)


Bruxa: E nem tente voltar aqui! Eu não te ajudarei outra vez!


"Eca" E-Está bem. (Acho que vou vomitar...)


UAAAAAAAAAAUUU!


Ai... Não é agradável mesmo...


(Eu voltei para casa e não contei esta aventura para ninguém... Quem iria acreditar?)


*Miau*


(Mas terei que encontrar uma boa desculpa para o gato...)


Kentin


Suco de Cenoura
Peixe
Grãos
Cogumelos 
Cristais


Bruxa: Clássico... mas eficaz. Você vai encontrá-los no jardim, perto das silvas. Mesmos que não vá te custar gostaria de encontrar, tem dois idênticos!


Idênticos? Que importância tem?


Bruxa: É o ingrediente mais importante da poção! É realmente importante!


Está bem, está bem...


Bruxa: O que você está esperando? Vá procurar!


(Vá, Docete, diga para si mesma que após tudo isso você poderá voltar para casa...)


Frente da Casa


(Viva, tenho os grãos)


Casa da Bruxa


Bruxa: Então?


Ótimo! Tenho o ingrediente!


Bruxa: Ah, chegou na boa hora! Entregue-me imediatamente!


(Não diga obrigada, viu?...)


Bruxa: Bom, vejamos...


(Ela jogou o ingrediente no caldeirão)


Bruxa: Oh! está acontecendo algo! Eu posso ver uma forma no caldeirão!


Ah, é! (Eu me curvei para ver também)




(K-Kentin? Parece que ele está fazendo flexões...)


Bruxa: E-Eu não consegui ver nada... Você conseguiu ver o futuro? Eu serei a bruxa mais potente do mundo? Talvez reinarei nestas terras?!


Bem... Não era o futuro... Eu acho que vi o instante preciso da vida de alguém que conheço.


Bruxa: AHHHHH! Perdeu, perdeu e perdeu! Você não serve para nada! Saia daqui imediatamente! Boboca!


(Terminar a conversa)


Frente da Casa


Nossa... Ela estava super zangada!


*Miaaaaau*


Você de novo? Você gosta de mim, hein?


Bruxa: Eu fiz o necessário para que você possa voltar para casa. Beba isto e desapareça da minha frente! E leve este gato também, se ele se liga a pessoas tão inúteis como você, eu não quero vê-lo!


O-Ok...


(Pobre gatinho... Ele ficará melhor morando comigo!)


Bruxa: Beba está poção agora!


N-Não é veneno, é?


Bruxa: Estou com vontade, mas ficarei só na vontade, BEBA!


(Eu levei a poção até minha boca... Ela era horrível)


Bruxa: E nem tente voltar aqui! Eu não te ajudarei outra vez!


"Eca" E-Está bem. (Acho que vou vomitar...)


UAAAAAAAAAAUUU!


Ai... Não é agradável mesmo...


(Eu voltei para casa e não contei esta aventura para ninguém... Quem iria acreditar?)


*Miau*


(Mas terei que encontrar uma boa desculpa para o gato...)


Ps: Se quiserem me add no amor doce é só enviar o convite para: EmilyCrisly.

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. não tem como conseguir todas as imagens ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem sim, é só comprar o anel de novo e refazer o episódio ai vc escolhe outro ingrediente pra poção. :D

      Excluir